P Tips

Tio Sam: a história por trás do símbolo norte-americano

imagem histórica do tio sam apontando para frente com o dedo indicador

“I want you”. Essa era a frase estampada em folhetos junto a imagem de um homem (já de idade), com roupas nas cores da bandeira dos Estados Unidos e distribuídos para jovens norte-americanos, nos anos 1910. Um símbolo histórico conhecido popularmente como Tio Sam. 

Apesar de ser popularizada no século passado, a personificação da nação mais poderosa do mundo é mais antiga do que parece. 

Conheça a história por trás deste símbolo da cultura norte-americana. 

Quem é Tio Sam? 

Tio Sam é uma personificação nacional dos Estados Unidos, muitas vezes representando o governo federal ou o espírito patriótico do país. 

A famosa figura barbuda, com terno e cartola na cabeça (nas cores azul e vermelho) e com o dedo indicador apontado para frente, tornou-se um marco na cultura do país mais poderoso. 

Quando Tio Sam surgiu? 

A origem da figura é do início do século XIX, quando o nome “Uncle Sam” foi associado a Samuel Wilson, um fornecedor de carne para o exército americano durante a Guerra de 1812. 

Seus barris de carne eram marcados com as iniciais “U.S.” para indicar “United States” (Estados Unidos). Os soldados, brincando, começaram a se referir à comida como proveniente de “Uncle Sam,” e a associação pegou.

Desde então, Tio Sam evoluiu para se tornar um símbolo reconhecível em todo o mundo, muitas vezes usado para representar os valores e o patriotismo dos Estados Unidos. 

Sua imagem é frequentemente utilizada em contextos cívicos, como cartazes de recrutamento militar e durante eventos patrióticos. A figura é um testemunho da história cultural dos Estados Unidos e da maneira como as tradições se entrelaçam com a identidade nacional. 

O famoso dedo indicador

Provavelmente, a imagem mais marcante do Tio Sam é ele apontando para frente com o dedo indicador, com a frase “I Want You”. 

A intimidação era destinada aos cidadãos que percorriam as ruas durante a Primeira Guerra Mundial e era veiculada por cartazes solicitando o alistamento. 

Apesar de Tio Sam, o homem que demandava o sacrifício, nunca tenha existido fisicamente, essa imagem o tornou um dos símbolos mais emblemáticos dos Estados Unidos.

_____________________

Você gosta de conteúdos sobre conhecimentos gerais, curiosidades e cultura pop? Aqui você encontra isso e muito mais. Aproveite para ver também: 

______

Aqui na Phenom você aprende outros idiomas enquanto se diverte. Conheça mais sobre o nosso método único e inovador. 

Agende uma aula experimental e inicie uma nova jornada phenomenal. 

Compartilhe:

Posts recentes